home    about    browse    search    latest    help 
Login | Create Account

Produção de leite orgânico e convencional no Oeste de Santa Catarina: caracterização e percepção dos produtores.

Honorato, Luciana Aparecida ; Silveira, Isabella Dias Barbosa and Machado Filho, Luiz Carlos Pinheiro (2014) Produção de leite orgânico e convencional no Oeste de Santa Catarina: caracterização e percepção dos produtores. [Organic and conventional dairy in western of Santa Catarina: characterization and farmers’ perception.] Revista Brasileira de Agroecologia, 9 (2), pp. 60-69.

[img]
Preview
PDF - Published Version - Portuguese/Portugues
1MB

Online at: http://www.aba-agroecologia.org.br/revistas/index.php/rbagroecologia/article/view/13185/10189

Summary

É crescente o número de produtores interessados no sistema de produção orgânico, especialmente dentro da Agricultura Familiar. Porém, pouco se sabe sobre a estruturação das unidades produtivas, tecnologias e práticas que estão sendo utilizadas nesse sistema. O objetivo desse trabalho foi identificar o perfil de produtores de leite orgânico através da caracterização das famílias e unidades produtivas, investigar as motivações, as principais dificuldades e aspectos positivos e negativos da produção orgânica, além de comparar características demográficas, produtivas e manejos utilizados nos sistemas orgânico e convencional. Foram selecionadas 17 unidades leiteiras orgânicas (ORG) e 17 unidades leiteiras convencionais (CONV), de agricultores familiares, no Oeste de Santa Catarina, Brasil. Foram realizadas entrevistas com os agricultores em março e setembro de 2010 sobre suas opiniões a respeito da produção orgânica, e sobre as diferenças entre as tecnologias e manejos adotados. O tamanho da propriedade, idade, escolaridade e tempo na atividade foram similares entre os sistemas. O ORG teve rebanhos menores e menor produção por vaca, o que foi relacionado à menor porcentagem de sangue holandês no rebanho e não ao sistema em si. Esse sistema apresentou uma produção leiteira menor do que o CONV com médias de 3342 e 7912 litros/mês, respectivamente. O ORG teve um perfil de pessoas mais ativas no seu meio social, tendo maior acesso a informações, o que pode ter influenciado na opção pelo sistema de produção. A melhor exploração dos recursos forrageiros e menor utilização de antibióticos fazem com que os produtores orgânicos percebam melhorias no agroecossistema e na qualidade de vida. O maior entrave percebido pelos produtores orgânicos é a falta de reconhecimento econômico pelo mercado e de assistência técnica especializada no assunto. A adequação dos produtores aos padrões normativos é limitada pela falta de planejamento alimentar e de saúde animal.

Summary translation

The number of dairy farmers interested in organic production is growing, especially within the family farms. However, little is known about the structure of farms, technologies and practices used by producers in this system. In western of Santa Catarina 17 organic milk farms (ORG) and 17 conventional farms (CONV), of family farmers were selected. Interviews were made with these farmers in March and September of 2010 about their views on organic production, and about the differences between technologies and management practices adopted. Farm size, age, education and time in the activity were similar between systems. The ORG had herds lower, with cows producing less, what was related to smallest percentage of Holstein blood in the herds and not to the system in itself. The organic milk production showed a smaller than the CONV averaging 3342 and 7912 liters/month, respectively. The ORG had a profile of people most active in the social environment, and greater access to information, which may have influenced the choice of the organic system. The better exploitation of forage resources and less use of pesticides and antibiotics make organic farmers realize improvements in the agricultural ecosystem and the quality of life. The biggest barrier perceived by organic farmers is the lack of recognition by the market economy and specialized technical assistance in the matter. The adequacy of regulatory standards to producers is limited by lack of planning food and animal health.

EPrint Type:Journal paper
Keywords:Leite orgânico, Agricultura familiar, Processo de transição. Organic dairy, Family farms, Conversion process.
Agrovoc keywords:
LanguageValueURI
EnglishAgroecologyhttp://aims.fao.org/aos/agrovoc/c_92381
EnglishFamily Farmshttp://aims.fao.org/aos/agrovoc/c_2787
Englishmilkhttp://aims.fao.org/aos/agrovoc/c_4826
Subjects: Animal husbandry > Production systems
Animal husbandry > Production systems > Dairy cattle
Farming Systems
Research affiliation: Brazil > Other organizations
ISSN:1980-9735
Related Links:http://www.aba-agroecologia.org.br/revistas/index.php/rbagroecologia/index
Deposited By: Pinto, Gabriela Franco
ID Code:27405
Deposited On:31 Mar 2015 15:32
Last Modified:31 Mar 2015 15:32
Document Language:Portuguese/Portugues
Status:Published
Refereed:Peer-reviewed and accepted

Repository Staff Only: item control page