home    about    browse    search    latest    help 
Login | Create Account

AVALIAÇÃO DA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE CAGAITA (Eugenia dysenterica DC) NATIVA DO CERRADO BRASILEIRO

Santos, Ícaro Gonçalves; Previero, Conceição Aparecida; Parente, Hugo Victor Meneses and Campelo, Pedro Henrique (2013) AVALIAÇÃO DA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE CAGAITA (Eugenia dysenterica DC) NATIVA DO CERRADO BRASILEIRO. In: Altieri, Miguel A.; Sarandon, Santiago; Morales, Carmen Filipe; Funes, Fernando and Siura, Saray (Eds.) Congreso Latinoamericana de agroecologia articulos completos, Sociedad Centifica Latinoamericana de Agroecologia (SOCLA), Lima, Peru.

[img]
Preview
PDF - Portuguese/Portugues
187kB

Summary

Estudos relacionados à desenvoltura de germinação e produção de espécies nativas são essenciais, uma vez que garantem a preservação delas, consequentemente alavancam as questões socioambientais e culturais das comunidades. É nesse intuito que este presente estudo teve como proposta avaliar a germinação de sementes da cagaita (Eugenia dysenterica DC.), espécie frutífera, nativa do Cerrado brasileiro, apreciada pela população, por se tratar de um fruto com potencial diverso. Por ser uma espécie com sementes recalcitrantes, o seu armazenamento para reprodução é considerado um desafio,
necessitando de condições que mantenham sua qualidade fisiológica. Sementes dessa espécie apresentam elevado grau de umidade, entre 47% e 53% ao serem dessecadas, perdem completamente a viabilidade ao atingirem entre 18% e 22% de umidade. Objetivouse, assim, verificar o comportamento da germinação das sementes em função de diferentes graus de umidade iniciais. O experimento foi conduzido no Laboratório de Pós-colheita de Produtos Agrícolas do CEULP/ULBRA. Os frutos foram coletados em novembro de 2011, em matrizes nos municípios de Palmas e Lajeado - Tocantins. Determinou-se o grau de umidade das sementes pelo método de estufa a ±105ºC, foram utilizadas umidades iniciais de 65 a 20%, com intervalo de 5%. A viabilidade das sementes da cagaita ocorreu através de semeadura em substrato de terra preta e areia, na proporção de 50%. Para os parâmetros observados foram feitas análises de variância e as médias comparadas. Os resultados apresentaram desuniformidade quanto à germinação. O maior percentual de germinação foi observado em sementes semeadas a 60, 55 e 45% de umidade inicial. Nível letal foi apresentado quando semeadas com umidades inferiores a 25%.


EPrint Type:Conference paper, poster, etc.
Type of presentation:Paper
Subjects: Crop husbandry > Production systems
Crop husbandry
Crop husbandry > Breeding, genetics and propagation
Research affiliation: International Conferences > 2013: IV Congreso Latinoamericano de Agroecologia - SOCLA
Deposited By: Sociedad cientifica, Latinoamericana de Agroecologia
ID Code:25053
Deposited On:29 Apr 2014 09:07
Last Modified:29 Apr 2014 09:07
Document Language:Portuguese/Portugues
Status:Published
Refereed:Not peer-reviewed

Repository Staff Only: item control page